Home      Site      Fotos      Contacto


21 junho 2007

4º Kyu ;o)

Não sou muito de ligar a títulos, nem menções, nem coisa que o valha.
Se é "xô dotôra", se tem curso, se tem um "nível social" mais elevado.
E esta minha postura também passa para o Aikido e, apesar de ser lógico que devemos respeitar O Mestre, o nosso instrutor, os mais graduados, da mesma forma respeito os menos graduados que eu e os novinhos no dojo.
Mas também quando há brincadeira sou palhaça com toda a gente... mesmo! E sou mesmo brincalhona :o) os meus efeitos sonoros são conhecidissímos no dojo e o pessoal sente falta quando não estou, quanto mais não seja porque faltam os barulhinhos de fundo - ihihih.
Não estou a ser modesta, pois não?!

Isto tudo para vos dizer que acabo de vir de mais uma aula de Aikido, a qual foi diferente porque tive o meu 2º exame. Passei de 5º Kyu para 4º Kyu (de amarelo para laranja - antes do amerelo só o branco, ou Mu Kyu).
Não sou mais do que era há 2 horas atrás. Mas dei o meu melhor no exame (acho eu... apesar de para o final já me estar a custar um bocado tal eram os calores que já sentia - o maldito do PDI a revelar-se?!). Quando é a sério é a sério e encarno o espírito do Aikidoca!
Não sou mais do que ninguém e a postura é a mesma. Apenas algumas regras mudam dentro do dojo, mas nada que me faça sentir mais importante ou menos, apenas é bom esforçarmo-nos por aquilo que gostamos de fazer e ver o nosso esforço recompensado com uma boa prestação (não pelo cinto de cor diferente).

Beijocas grandes.
Agora vou dormir porque a noite anterior foi muuuitoooo longa e o soninho muito curto (1.30h que dormi a noite passada... bendita fada Carolina ;o)

5 comentários:

Anónimo disse...

Bom xô dotôra, já tinha dado conta que era assim em tudo, dar o seu melhor... muitos parabéns por esse tal de 4º kyu. O esforço é sempre recompensado, mesmo que por vezes não o consigamos ver ou dar conta da sua existência. ;o)jocas

borboleta disse...

A menina é boa em tudo o que faz, está visto :)

Sei bem qual é essa sensação de ver mudar a cor do cinto... Antes de vir para Lisboa estudar tinha no karaté a minha "religião". Sei que as minhas melhores recordações estão relacionadas com os treinos e amigos do karaté do Entronacmento :) Foi no cinto azul que fiquei e com muita pena desisti... Cada fase ultrapassada era mais um objectivo atingido!Ai, e os nervos dos exames. Estou sempre a pensar voltar mas ainda não consegui ganhar coragem :( Talvez tente o kung fu... :)

Sou fascinada pela cultura orientel e por tudo o que ela nos traz de bom, ao corpo e à alma:)

Mais uma coisa em comum!! hehehe

Beijoka grande e muitos parabéns!!!

hpinto disse...

Mais comum do que pensas, porque também fiz Karate! Fiquei-me só pelo laranja como estou agora no Aikido, mas também foram tempos especiais. Agora a vertente é mais soft mas o "efeito" final pode ser mais poderoso!
Com que então azulinho heim?! Tenho de passar a ter AINDA mais respeito por ti Borboleta! Ihihih...
Jocas

Wayfarer disse...

são os frutos colhidos ao longo do caminho que escolheste! :) Parabéns pelo laranja! :D

Edien disse...

Parabéns Aikidoca, força, assim é que é!Beijocas