Home      Site      Fotos      Contacto


30 agosto 2007

"Não há pessoa más...

...apenas pessoas ignorantes".
Apenas um pensamento.
Quem o lê do nada ainda pensa "olha, esta vive num mundo encantado onde é tudo cor-de-rosa, para achar que não há pessoas más!"
Engraçado como certos pensamentos nos vêm à cabeça!

Há pouco menos de 1 ano fiz 1 "workshop" num Centro Budista na baixa de Lisboa. Cada vez mais me identifico com alguns pensamentos da filosofia budista em geral. Não enquanto "religião" mas enquanto filosofia de vida. Mesmo para quem não quer seguir este "estilo de vida" há muita coisa que podemos aplicar no nosso dia a dia.

As coisas aprendem-se e de vez em quando relembramos algumas delas. E esta frase, que foi proferida pelo monje budista que deu o workshop, hà pouco voltou a ser lembrada quando eu pensava que há pessoas muito más!
E apesar da raiva contida quando tenho estes pensamentos penso no que ele disse e no quanto acredito nisso: "as pessoas na sua essência não são más. A "maldade" que possam ter no fundo é apenas ignorância e desconhecimento. Porque adquirindo o conhecimento de que podem controlar a sua raiva e tentando fazê-lo deixarão de ser ignorantes e consequentemente de ser maus".
Talvez não exactamente assim, mas conseguem entender o que digo? Faz sentido?

Sei que isto é possível porque sou diferente do que era há uns anos (doa a quem doer) e muita da minha "maldade", raiva e egoísmo foram moldados porque tomei conhecimento de que assim era possível e porque assim o quis. Ou seja, este processo tão difícil de controlar a raiva e a maldade em nós é possível adquirindo certo tipo de conhecimento e esforçando-nos para tal.
Então e eu pergunto, apesar de tudo o que disse até agora, se é possível porque não o tentamos todos? Se eu consegui (ou vou conseguindo)porque não o consegue o "meu vizinho do lado"? Porque não o tentam pelo menos aqueles que tiveram a possibilidade de saber que é possível, a quem foram mostrados meios e formas de pelo menos o tentar?
Se não é então isto maldade eu chamo-lhe burrice!!!


E então reformulo a frase:

não há pessoas más, apenas pessoas "burras como uma bota da tropa"!

6 comentários:

Sofia disse...

atão, o que é que se passa?? quem fez malinhos à menina?? põe tudo cá para fora, manda-me um email :) ou tufóna!!
beijocas

Anónimo disse...

Na realidade comungo da mesma opinião..."não há pessoas más..." apenas a realidade de umas é diferente da realidade de outras, contudo, a mudança está ao alcance de cada um.. de querer mudar, ou de achar que pode mudar, ou mesmo de não mudar e deixar estar tudo como está... mas por favor ... não se queixem da "vida infeliz" que levam... cada um escolhe o seu caminho, Se não mudam...e acham que devia mudar algo não está bem. Como diz a Lena...pelo menos tentem, e fiquem felizes por terem tentado. Faz tudo parte da nossa existência, os altos e baixos (ou não, porque eu considero que não há altos e baixos, apenas alturas, momentos sentimentos e acções DIFERENTES); Yin e Yang. Este tipo de "conversa" dava 'pano para mangas' como se costuma dizer. Para acabar, só para dizer que partilho deste tipo de filosofia de vida, pelo menos tento...;o)

A menina que gosta de sorrir disse...

Olá =)
Bem gostei do teu pensamento. E concordo contigo.
Gostei desse reformular de frase. Mas é verdade as pessoas não são bem más só acho que nao sabem bem ir pelo caminho certo em relaçao aos outros... enfim penso que isso nunca vai mudar. Mas quem o admitir que mude e já é um grande passo.

Um beijinho
catarina **

SoniaM disse...

Ai, ai..Lenita..tanto que havia para explanar sobre este assunto. Porque por onde quer que ando toda a gente se queixa que não se pode confiar em ninguém, que é mais fácil ter inimigos que amigos..Ainda hoje na pastelaria onde fui, a conversa ao balcão era mesmo esssa...Dizia o senhor do balcão..amigos, amigos...onde eles andam!? E agora acrescento eu ao que dizes...Sim..há pessoas boas e também há pessoas más (que penso, infelizmente) existirem em maioria. Mas temos de combater isso, ou tentar combater sempre com um sorriso no rosto, pois ele é a maior arma contra os infelizes..Sim, porque são sem dúvida pessoas muito menos felizes, te digo!!

Um beijo grande e boas energias para ti :*

Sonia M.

Anónimo disse...

Acho que se esqueceram de uma coisa...lembram-se que não há pessoas más ?!?! apenas pessoas Menos Boas... ;o). fiquem bem.

Cor de Mel disse...

Olá Helena,
Já estou a ver que andaram a "pisar-te os calos"...
No entanto, concordo contigo em tudo o que dizes, subscrevo e assino!!
Beijinhos, boas férias e descansa muito, pois bem o mereces.
Beijinhos, Lia.