Home      Site      Fotos      Contacto


01 agosto 2008

Mistura de emoções...

...é o que venho sentindo nos últimos dias...
Chega hoje ao fim uma fase da minha vida. E quem disse que o terminar de algo, mesmo que se acredite que seja para um rumo melhor, é fácil de "levar" sem que isso mexa conosco?!

Oficialmente chegou ao fim uma "relação" de 11 anos - sim, porque no local de trabalho também se criam laços e alguns acabam por ser difíceis de "cortar.
Não costumo ser saudosista, nem estou a tentar sê-lo. Mas é um facto: apesar de eu sempre ter dito que numa relação, seja ela de que tipo for, quando há uma interrupção ou uma ruptura quem sofre mais é quem fica no mesmo local a reviver factos e situações nestes dias percebi que o contrário também se pode dar com alguma emoção.

Apesar de ir manter uma relação de trabalho com a empresa onde trabalho há 11 anos o modo de o fazer será diferente. Deixo de me deslocar dia após dia ao mesmo local para me deslocar só quando necessário - modernidades ;o) o trabalho faz-se doutra forma.Mas deixo de ver com regularidade pessoas com quem me habituei a conviver 8 horas por dia, 5 dias por semana... apesar de já ter visto "partir" daqui muita gente, inclusivé amigos que fiz ao longo dos anos, o "corte-quase-definitivo" faz as coisas terem mais peso... ainda não sei bem como digerir as sensações.
Sei que daqui a uns dias as sensações alteram-se e tomam outra forma - é o que dá em já estar calejada de ver e sentir o afastamento de pessoas daquelas que realmente nos marcam ao longo da vida - mas enquanto não se alteram fica aquela sensação do "pranto-a-qualquer-momento-e-a-qualquer-palavra-ou-olhar-mais-sentimental"...
A par dos hábitos de há 5 anos (altura em que mudamos para o local onde me encontro), dos cafés, do subir da rua, dos bons-dias às pessoas já familiares, criaram-se outros hábitos partilhados com pessoas que passam a ser importantes na nossa vida. Perdem-se este hábitos, ganhar-se-ão outros entretanto.

Coisa que tenho consciência é que sou uma pessoa que se adapta facilmente a novos ambientes e novas realidades. Sei que esta fase não será diferente. Mas de qualquer maneira... às vezes custa ;o)

Entretanto hoje entro numa semana de descanso, volto dia 9 para actualizar as novidades :o)
Até lá beijocas a toda(o)s que têm a paciência de me ler e de ver os meus trabalhos :o*
Lena

10 comentários:

nice disse...

Como te percebo Lena, descansa e traz novidades bonitas para eu me roer toda de inveja...
Beijocas
Elisa

Sofia disse...

Não, eu é que percebo :)
Há mais ou menos 1 ano passei pelo mesmo que tu, saí daí e deixei de vos ver 8 horas por dia, 5 dias por semana...
Antes de eu sair tb vi sair algumas pessoas, em relação a algumas tive pena porque eram boas colegas e boas pessoas, em relação a outras custou-me mesmo, mesmo muito.
Acredites ou não, lembro-me de vcs todos os dias... todinhos. Apesar de estar num sítio que gosto e rodeada de pessoal porreiro, não é bem a mesma coisa... Não há trocas de olhares que dizem tudo e isso faz muita falta a uma pessoa, a cumplicidade!!
Bijinhos
Ah! e actualizas o quê dia 9?? Nem penses que eu te deixo usar o meu computador... hahaha!!
boas férias

Flores as Cores disse...

É assim mesmo linda, a vida é feita de mudanças. Eu mudei de emprego há um ano, por opção própria, mas não deixo de sentir saudades da minha antiga equipa de trabalho e ainda não consigo deixar de dizer que "nós" fazemos isto e aquilo.. ainda não consegui despir a camisola, e a saudade intensifica-se sempre que volto a estar com eles. Mas apesar de todos esses sentimentos, gosto de ter mudado, passei a ter uma coisa que ali era impossivel e que agora todos eles me invejam - ter vida pessoal, ter horário de trabalho.. ver a luz do dia!
Para ti durante uns tempos vais sentir muito a diferença, mas depois com o tempo vais-te habituando.
Boa sorte
Bjs grandes
Carla

Wicca disse...

Muita força para essa nova fase...

As mudanças custam um poukinho... pq representam algo diferente, a que não estamos acostumados...

Mas quase sempre as mudanças nos trazem coisas muito boas e nos permitem ver o que até então não cruzava o nosso caminho...

Beijinhos

Anjo De Cor disse...

"quem muda Deus ajuda" ... ;)**
Bjs e tudo vai correr bem até lá cá te esperamos com muitas novidades e coisinhas bonitas ;)
Boas Férias****************
Bjs

Cor de Mel disse...

Olá Helena,
É difícil e percebo perfeitamente como te sentes, mas o Homem é um animal de hábitos e, como tu própria o dizes, daqui por uns dias estarás a viver a nova realidade, também, já como um hábito, até que o mesmo se altere...
Beijinhos e boas férias,
Lia.

Anónimo disse...

Olá Lena, há uma frase que agora costumo usar muito " A única constante da vida é a mudança!" e sendo assim tudo muda, o tempo, os segundos, os hábitos, as pessoas, tudo tudo tudo muda. Cabe-nos a nós aceitar essa mudança como sendo a melhor coisa que nos aconteceu nesse mesmo dia nesse mesmo momento, pois como diz uma grande Amiga minha "O Universo é perfeito" e se te aconteceu essa mudança, é porque, ou melhor é para que te aconteça algo de muito bom!! Fica bem Lena. ;-) beijocas e aproveita o tempo, porque ele é sempre passado, pois o presente é sempre muito curto ;-). beijocas

Ideias da Taninha disse...

Quero dar-lhe os parabéns pelos lindos trabalhos que faz!Simplesmente magnificos, tem umas mãos de criatividade!quanto as mudanças...a vida é assim e com o tempo tudo passa, não é?!boa sorte e tudo de bom, beijokinhas da Taninha

Wanda disse...

Olá!! Eu também deixei esse mesmo local, custou muito, pelas pessoas claro(+ ainda por nessa altura estar com as hormonas totalmente alteradas).
Muitas beijocas! Ainda bem que só as boas recordações perduram. A mudança é algo muito positivo, claro que de inicio é uma incógnita, mas o divertimento está ai não saber o que virá e o gozo de ir alcançando coisas novas :)Wanda

Sónia disse...

O primeiro passo para ultrapassar seja aquilo que for na nossa vida é a aceitação.. não a resignação, mas a aceitação, que passa por sentirmos que há tempos de mudança, que há ventos que nos levam e que depois nos voltam a trazer. Desafios que se nos deparam e todos esses desafios encerram em si as suas próprias soluções, nem sempre visíveis, mas estão lá.

Força, querida Lena..Desta amiga que parte para viver em Barcelona.. vida mudada a a 180 graus, mas feliz por acreditar..sempre.

Sonia