Home      Site      Fotos      Contacto


25 maio 2009

…estou lixada!…

...pois... mas quem?!...


Falando abertamente pela 1ª vez sobre o assunto aqui no meu blog – porque afinal, apesar de este blog ser essencialmente para partilhar os meus trabalhos, estes fazem parte de mim e são um manifesto da pessoa que sou:
para quem ainda não entendeu por alguns tópicos que tenho colocado ultimamente a minha situação profissional é, para todos os efeitos, desempregada desde Agosto de 2008.
Remeto-os para tópicos anteriores se estiverem interessados em ler.

Ora o que me fez hoje “revelar” esta minha situação – não gosto de a anunciar aos 4 ventos porque não gosto de ver a pena nos olhos de ninguém nem a palavra “coitadinha” a sair boca fora em minha direcção! Coisa que não sou é coitada e luto por aquilo que quero e acredito enquanto tal me é possível (e às vezes até quando pouco possível é).
Mais uma vez relembro que sou uma pessoa muito optimista e que acredito em mim e nas minhas capacidades.
Por “ironia do destino” não está a ser fácil arranjar emprego apesar das respostas a anúncios que tenho de dar todos os meses.
Mas continuo a acreditar em mim – apesar de nestes 10 meses que passaram apenas me terem chamado para uma entrevista, que por sinal estava “condenada” à partida… quem está na mesma situação sabe que nem sempre é fácil gerir os sentimentos que advêm deste tipo de situações e que por vezes o mais fácil é mesmo cair na tentação de sermos umas coitadinhas… tal nem me passa pela cabeça mas por vezes é difícil pensar que tenho de ser optimista e acreditar que o melhor ainda está para vir – e que no fundo há males que realmente vêm por bem!!!

Voltando ao tema: o porquê deste tópico?
Também já terão percebido por 2 tópicos atrás que haveriam mudanças na minha vida profissional.
Estou a avançar com o projecto de criação do meu próprio emprego. Estou optimista quanto à resposta do Centro de Emprego quanto ao meu projecto mas ainda vou ter de esperar mais 1 semana e tal para entregar o dito e só depois (1 mês, 2 meses no máximo espero) saber a resposta ao meu projecto.

Entretanto uma querida ex-formanda com quem de vez em quando troco e-mails e opiniões deu-me um contacto de um programa que irá decorrer durante 4 semanas e que consta num programa intensivo de Gestão geral e para o qual há os seguintes requisitos:
» ter mais de 30 anos e menos de 45 (fiz 38 anos 6ª feira passada),
» ter experiência profissional superior a 5 anos (tenho uns 14 anos pelo menos),
» estar desempregado há mais de 6 meses (estou há 10 meses),
» estar disposto a participar num Programa intensivo,
» estar disposto a partilhar a experiência.

Além destes pontos dizem:
”destina-se a quadros técnicos com as mais diversas formações académicas, (…) e experiência profissional relevante (…)”
“as candidaturas são apreciadas e seleccionadas por uma Comissão de Admissão, por ordem de entrada (…)”
“número de vagas: 40” – começou dia 19 de Maio e eu inscrevi-me dia 20…

Bom… a razão de estar lixada?!
Não fui aceite!
Resposta: “a candidatura apresentada não reúne as condições de acesso tidas como indispensáveis”…

Alguém me consegue explicar porquê?!
Não consigo entender… enviei um e-mail a pedir explicações mas não sei se me vão responder ou se responderem vamos ver o que me dizem.
Ou eu estou a ver muito mal ou há aqui qualquer coisa que não bate certo…
Mas dêm-me uma ajuda…
Será que não tenho experiência profissional relevante?! Muito subjectivo, certo?
Quadro técnico?! Sim, segundo sei na empresa onde estava eu era um “quadro técnico”!

…não vou desmoralizar mas acreditem que estou bastante triste e irritada… uma coisa é não corresponder aos parâmetros exigidos para a candidatura, mas em que ponto é que eu não me enquadro?!
Por favor, alguém que leia, e que consiga ter um olhar à margem e não tão emocional como o que estou a ter, que me explique onde não encaixo…
http://www.novaforum.pt/jumpstart/assets/BrochuraJumpstart.pdf

Às vezes é mesmo difícil ser optimista…
…mas não é desta que conseguem que seja pessimista ;o)
E no mínimo o que vou fazer com isto é uma queixa se a resposta que me derem “não reunir as condições de acesso tidas como indispensáveis”…

5 comentários:

Elisa Bernarda disse...

Oi Lena,

Pois, realmente estive a ler o pospecto e não vejo mesmo onde não te encaixes?! Preenches todos os requisitos e eles tb sabem disso, por isso é que não te deram uma justificação consistente e, (agora vem um pouco do meu pessimismo), acredito que não te dÊm qualquer resposta, é a forma de se livrarem dos erros e das "parvoices" que cometem, enfim...
Mas concordo contigo em que vás para a frente e reclames a sério, ao menos isso ainda nos é permitido.
Aconteceu comigo uma coisa do género, impugnei um concurso para a biblioteca da Mealhada por duas vezes por me dizerem que não preenchia os requisitos, mas eles não diziam quais eram os requisitos no concurso, no fim só ganharam pq pediram um curso técnico que eu não tinha (tinham lá o meu curriculo, foi só escolher) e experiência comprovada de contar histórias a crianças...
Bem, luta pelo que acreditas, isso não conseguem eles fazer desaparecer, eu tb vou tentanto, embora confesse que estou a ficar mto cansada e desmoralizada, mas ainda não desisti.
Beijocas grandes e vai dando no´ticias do desenrolara da situação, fico curiosa

Anónimo disse...

Nem preciso de ler a brochura, para saber que se não te enquadrasses nem sequer respondias... por isso estás mesmo enquadrada na coisa. Quanto à resposta dada...parece que foi uma coisa feita "só para algumas pessoas pré-escolhidas" e que se for o caso até podes impugnar a formação... a única questão só poderá ser: nº de vagas já preenchidas, mas nunca "não reunir os requisitos.." alguém precisava de fazer um dinheirito extra, e criou este curso, para alunos já pré-escolhidos... é só o que dá a parecer com respostas deste tipo...
Fica bem, e continua no teu caminho, com os teus sonhos, com a tua maneira de ser, como tu só tu és. Forte e determinada a conseguir os teus objectivos.

Mamã da Bá disse...

Infelizmente este País é mesmo uma tristeza. Exige-se tudo e não se dá nada em troca.
Tenho a certeza que é uma fase passageira e que mais rápido do que pensas vais ter aquele trabalho que te vai realizar e fazer-te feliz.

Bjs grandes

Fashion adviser disse...

Estão abertas as inscrições GRATUITAS, para a 1ª feira de artesanato urbano de Águeda, organizada pela Câmara Municipal, decorrerá no largo 1º de Maio em simultâneo com o evento Agitágueda.
Todos os fins de semana do mês de Julho, podendo o artesão optar por participar em todos ou só nos que lhe interessar.
Informações: geral@sextafeira.pt
234197630

Debora Guedes disse...

A unica coisa que posso dizer e Forca amiga , estou no mesmo barco que tu desde Maio tambem , mas na ?Irlanda .
Paciencia e tenta levar dias da melhor maneira .
Beijinhos